Qualquer empresa, seja de que porte for, necessita se profissionalizar e seguir princípios administrativos e de controles adequados para enfrentar e superar a concorrência, assim como lidar de forma eficaz com as demandas de clientes. Neste artigo, vamos apontar 5 sugestões para melhorar a sua marcenaria.

1 – Organização do negócio

Uma marcenaria deve investir em organização do seu negócio. Isso envolve as etapas de planejamento, execução e apuração de resultados.
Não existe mais espaço no mercado para manter uma empresa, sem estabelecer esses princípios, de forma estruturada e adaptada a uma marcenaria, são fatores definem o sucesso – ou não – de uma marcenaria. Em especial durante a execução, onde as etapas de compra, operação, estoque, vendas e entregas dos produtos são tão importantes.
Para melhorar a sua marcenaria, é ideal que se invista em um modelo que tenha por meta a qualidade total de seus processos de operação. Ou seja, que visam o aumento da produtividade e a qualidade de todas essas etapas do processo, até o produto final
Para isso, adotar uma das ferramentas do conceito de Qualidade Total, o tradicional modelo de 5S, é ideal para que se possa atingir um resultado de excelência.
Essa estratégia consiste em aplicar os 5 sensos de:

  • utilização;
  • organização;
  • limpeza;
  • saúde;
  • autodisciplina.

Inclusive, a título de curiosidade, saiba que esse sistema foi utilizado, pelo Japão, para a reconstrução de sua economia, após a 2º Guerra Mundial – que depois virou uma potência mundial, posição que ocupa até hoje.

2 – Definir processos

A definição clara e bem delimitada de seus processos é uma das principais. Trata-se de uma forma de manter as atividades independentes de conhecimentos de pessoas, mas sim baseada na transparência e segurança da estrutura da marcenaria.
Processos definidos e de preferência, automatizados, são um diferencial de custo, produtividade e redução de desperdícios, além de se permitirem fazer auditoria da melhor maneira, para, enfim, realizar os devidos ajustes, quando necessário.
Quando se estabelece a normatização e o fluxo de processos, a marcenaria passa a ser uma empresa moderna e com mais condições de identificar e atuar sobre riscos e fortalecimentos de controles assim como melhorias de processos.
Tudo isso contribuindo para o ganho de seus resultados.

3 – Fortalecer controles

Quando não se investe em controles adequados há uma chance enorme de uma marcenaria não conseguir sobreviver à ação do mercado e competição que está a cada dia mais forte e ágil.
Estabelecer controles contábeis, financeiros, de estabelecimento de metas de produção e vendas, de margens de lucros, de estoques e de compras, deve ser prioridade da melhor e mais profissional forma possível.
O tempo do bloco de anotações já passou, concorda? Então, mesmo que ainda, em certos casos, ocorra uma falsa impressão de que funcionem, certamente o risco é enorme em se manter tudo em uma pessoa ou em apontamentos e registros inadequados para o momento em que vivemos.
E nesses casos, certamente, se a marcenaria ainda tem resultados, possivelmente está vulnerável a definições de novas estratégias de conquistar mercado e crescer.

4 – Qualificar a equipe

Investir no maior patrimônio de uma empresa é o grande diferencial das marcas vencedoras.
Qualificar a equipe que trabalha em sua marcenaria é algo que não deve ser desprezado em hipótese alguma. Afinal, essa é uma ação que garante maior parceria do grupo e ajuda na retenção de seus empregados, além de melhorar a produtividade e qualidade de seus produtos, como efeito mais direto.
Avaliar de forma adequada as características de cada colaborador permite ter pessoas certas, nas funções corretas e garante maior satisfação de sua equipe.

5 – Investir em equipamentos e ferramentas modernas

Utilizar serras de corte modernas e com grande resistência permite acabamentos e redução de perdas de matéria-prima no processo.
Adquirir esses produtos de fornecedores conceituados é essencial para garantir os melhores resultados, como é o caso das serras da Mill Indústrias, que oferece uma ampla gama de produtos para as marcenarias, acesse http://www.mill.com.br/serras/ e conheça mais.
Buscar, ainda, softwares que definam projetos adequados às demandas de clientes, evita ou reduz os riscos de retrabalhos e de resultados não adequados de seus produtos.

E então? Anotou algumas dicas para melhorar a sua marcenaria?

Neste artigo citamos cinco sugestões principais para melhorar a sua marcenaria. Adotando essas dicas, certamente você identificará um aumento do padrão de controles e redução de riscos, contribuindo para melhorar os resultados de sua empresa.
Mantenha contato com a Mill Indústrias e veja como podemos auxiliar a atingir seus objetivos e busca pelo sucesso no mercado. Até o próximo post!

 

Gostou? Compartilhe!